Posto de Saúde Lista de Remédio Gratuitos

Remédio de graça pelo SUS

Muitas pessoas não sabem, mas o SUS oferece diversos remédios de graça. É isso mesmo! Há os mais variados tipos de medicamentos gratuitos pelo SUS e que não raras vezes são jogados fora pelos postos de saúde e farmácias porque estão próximo do prazo do validade e ninguém foi buscá-los.

sus-remedios-gratuitos

Além de ser um desperdício de dinheiro público – que nós todos pagamos, e caro, por conta de uma infinidade de impostos e taxas – é complicado ver que muitas pessoas passam necessidades e não têm dinheiro para comprar medicação enquanto o SUS joga remédio no lixo, porque passou da validade e ninguém foi atrás.

Para que isso não aconteça mais e que você tenha ciência dos seus direitos, vamos te mostrar a lista de remédios gratuitos do SUS. Embora isso não se aplique para todos os remédios que existem, a lista de medicamentos gratuitos SUS é grande. Vamos lá conhecê-los?

Lista de remédios da farmácia básica do SUS

Para a sua ciência, o nome do programa que oferece remédios de graça pelo SUS é “Farmácia Popular”.

Em cada Unidade Básica de Saúde do SUS (postos de saúde) é obrigatório haver uma lista com remédios de graça do SUS. Essa lista de medicamentos grátis SUS tem quase 1000 tipos de remédios de graça diferentes.

A tendência é que essa relação de medicamentos gratuitos SUS aumente a cada ano.

Entretanto, até para evitar a comercialização ilegal de medicamentos ou o uso abusivo, o SUS tem alguns requisitos para a retirada de remédios gratuitos.Vejamos abaixo quais são essas especificações.

Como retirar remédio de graça no SUS? Requisitos

Muitas pessoas se perguntam: “mas como retirar remédio de graça no SUS?”. É muito mais fácil do que você imagina.

Aliás, muitos pacientes do SUS ficam meio receosos de terem que perder muito tempo, ficar em filas e terem dores de cabeça para pegar medicamento gratuito no SUS. Por isso, acabam comprando essa medicação.

No entanto, por mais incrível que pareça, é tranquilo pegar remédio de graça no SUS.

Antes de qualquer coisa, você precisa saber que a relação de medicamentos grátis do SUS pode variar entre os municípios. A razão para que isso aconteça é a seguinte: a depender da região do país a necessidade de determinado medicamento de graça do SUS pode variar. Exemplo: é mais fácil remédio de graça para a gripe no SUS ser mais solicitado no sul do país, onde há mais frio, do que no norte e no nordeste, não é mesmo? Essa é a lógica do SUS.

postos-de-saude-remedios-gratuitos

Dito isso, você precisa ter receita médica para retirar remédio de graça no SUS.

Outra novidade para muita gente é que você pode pegar remédio grátis do SUS mesmo que tenha plano de saúde. Basta ter a receita e passar em um posto de saúde ou farmácia conveniada com o governo federal.

Em quase toda farmácia privada (exemplo: Nissei, Droga Raia, Morifarmaetc), ao lado de fora do estabelecimento, terá uma placa dizendo “Aqui tem remédio de graça”. Ou seja, quer dizer que aquela farmácia faz parte do Programa Farmácia Popular.

Lista de medicamentos fornecidos pelo SUS

Agora, certamente a sua dúvida está direcionada à lista de medicamentos fornecidos pelo SUS, não é?

Em regra, são fornecidos pelo SUS medicamentos para asma, bronquite, diabetes, hipertensão e outros, que estão em subprograma chamado “Saúde Não Tem Preço”.

Para saber a lista completa de remédios fornecidos de graça pelo SUS, acesse o Portal da Saúde do Governo Federal, no seguinte link: http://portalarquivos.saude.gov.br/images/pdf/2014/fevereiro/20/elenco-fp1-20-08-12.pdf

Relembramos ou informamos (para que não sabe) que o SUS oferece fraldas geriátricas para pessoas que precisem. Em regra, essas fraldas são caras e de uso contínuo, o que equivale muitas vezes à boa parte do orçamento familiar.

medicamentos-gratuitos-sus-posto-de-saude

Lista de medicamentos alto custo SUS

A lista de remédios oferecidos pelo SUS acima geralmente não compreende remédios que são bem caros. E como saber a lista de medicamentos de alto custo SUS?

Essa lista pode variar de Estado para Estado, pois salvo os medicamentos obrigatórios, fica a cargo das Secretarias de Estado realizarem a compra e o pedido de determinados remédios caros do SUS.

Só que, a depender do valor do medicamento, o Estado nega oferecê-lo de graça. Aí, infelizmente muitas pessoas que precisam devem acionar o Poder Judiciário e ter altos custos com processo para que consigam solicitar remédios de alto custo do SUS.

Não raras vezes essas pessoas são bem-sucedidas ao pedirem remédios de alto custo na Justiça. Mas isso não é uma regra e depende de cada caso.

Se estiver precisando de medicamentos de alto custo do SUS, procure um advogado ou a Defensoria Pública do seu Estado (que é de graça, embora o atendimento possa demorar um tempo). Esses profissionais vão te orientar da forma correta para conseguir remédios gratuitos pelo SUS.

Leia Mais

Aqui tem Remédio – Lista de Medicamentos

Aqui tem Remédio Lista de Remédios

Um dos melhores aplicativos colocados à sua disposição é o Aqui tem Remédio, que permite consultar tudo sobre medicamentos. Ele está revolucionando a forma como pessoas como você procuram medicamentos no mercado. Em poucos instantes você consegue ver a lista de medicamentos no Aqui tem Remédio. Tudo isso no conforto da sua casa.

aqui-tem-remedio

Conheça agora mesmo como funciona essa ferramenta que está facilitando a vida de pessoas que precisam encontrar medicamentos na rede municipal. O aplicativo é acessível em dispositivos móveis, o que deixa tudo muito mais prático. Para ver a lista de medicamentos no Aqui tem Remédio é simples. Mas para isso você precisa saber como esse aplicativo funciona. Descubra tudo agora mesmo.

Como funciona o Aqui tem Remédio

Essa ferramenta foi desenvolvida pensando no conforto e comodidade de pessoas que assim como você estão sempre precisando de remédios. Se você utiliza a rede municipal para ter acesso a medicamentos, está na hora de conhecer esse aplicativo. A lista de medicamentos do Aqui tem Remédio é grande. Ele mostra aos usuários onde determinado medicamento está disponível.

Já passou pela situação de ir até um centro de distribuição de medicamentos da rede municipal e não encontrar o medicamento que procura? Isso acontece pois muitas vezes as redes municipais ficam sem estoque. Ao saber a lista de medicamentos no Aqui tem Remédio você pode conferir várias informações relativas ao medicamento. Tudo através de uma única ferramenta.

Uma das possibilidades é consultar onde o medicamento está disponível. Você pode ver inclusive qual a quantidade existe em estoque, para se preparar com antecedência para não perder de conseguir o seu remédio na rede municipal. O aplicativo trabalha com geolocalização, utilizando o GPS do celular dos usuários. Os medicamentos da lista do Aqui tem Remédio são vários e pode ser que o que você utiliza também esteja presente.

aqui-tem-remedio-lista-de-medicamentos

Medicamentos da lista Aqui tem Remédio

Para descobrir, uma boa ideia é baixar o Aqui tem Remédio diretamente no seu celular. Dessa forma você poderá acessar a lista de remédios do Aqui tem Remédio de forma simplificada, quando e onde você quiser. Basta ter acesso à internet, seja pelos dados móveis ou pelo wi-fi, para conseguir abrir e rodar o aplicativo.

Com essa ferramenta você não precisará mais se preocupar em ligar para a rede municipal de remédios para saber se o seu medicamento ainda está disponível. Basta ver a lista de remédios do Aqui tem Remédio em poucos segundos. Se o seu medicamento estiver com baixo estoque você pode ir imediatamente até o local onde ele se encontra disponível para não ficar sem.

Agora que você já sabe como funciona a lista de medicamentos do Aqui tem Remédio, está na hora de baixar o aplicativo e instalar no seu celular. Ele está disponível para o sistema operacional android e também IOS. Não fique por fora dessa grande novidade tecnológica que está facilitando a vida de pessoas que sempre precisam dos remédios oferecidos pela rede municipal de saúde.

Leia Mais

Farmácia Popular – Medicamentos

Lista de Medicamentos do Farmácia Popular

Farmacia-Popular-Medicamentos-300x214

O Programa Farmácia Popular foi desenvolvido pelo Governo Federal Brasileiro e tem parceria com governos de estados, de municípios e com estabelecimentos e entidades que pertencem ao setor privado e é considerado um sucesso devido o oferecimentos de medicamentos mais baratos para a população que sofre de doenças crônicas cujo tratamento necessitam do uso diário de remédios.

Os medicamentos inclusos no Programa Farmácia Popular são vendidos nos estabelecimentos da Rede Farmácia Popular e Rede de farmácias vinculadas ao Programa com descontos que chegam até 90% em cada remédio. A lista oficial dos medicamentos disponíveis contava desde o início do programa com 108 medicamentos, mas em maio de 2011 foram incluídos mais cinco medicamentos ampliando o benefício à população que necessita desses remédios para seus tratamentos.

O objetivo desse programa é permitir que os cidadão brasileiros tenham fácil acesso a medicamentos de doenças comuns como diabetes, colesterol, hipertensão, dislipidemia, rinite, asma, glaucoma, osteoporose, doença de Parkinson, como também anticoncepcionais e até fraldas geriátricas, podendo todos ser adquiridos bem mais baratos do que no mercado tradicional. Muitas vezes, alguns desses medicamentos podem ser adquiridos até de graça, como é o caso do benefício que é concedido para os que sofrem de diabetes e hipertensão.

Os novos cinco medicamentos que integram a lista da farmácia popular neste ano foram:

Loratadina, que é um antialérgico;

Losartana potássica, que atua contra a hipertensão arterial;

Fluoxetina, que é um antidepressivo;

Alendronato de sódio, que é indicado para osteoporose;

Clonazepan (que é um ansiolítico).

Desses citados, vale lembrar que o losartana potássica é gratuito, junto dos 12 medicamentos para diabetes e hipertensão, que integram a ação Saúde Não Tem Preço, desde fevereiro de 2011. Os outros quatro da lista seguem a norma dos itens que tem 90% de desconto.

Veja a lista de medicamentos do Farmácia Popular

MEDICAMENTO / CORRELATO APRESENTAÇÃO UNIDADE DE CADASTRO PREÇO DE DISPENSAÇÃO (R$)
Acetato de medroxiprogesterona 150 mg/mL Ampola 1,24
Aciclovir 200mg/comp. Comprimido 0,28
Ácido Acetilsalicílico 500mg/comp. Comprimido 0,035
Ácido Acetilsalicílico 100mg/comp. Comprimido 0,03
Ácido Fólico 5mg/comp. Comprimido 0,054
Albendazol 400mg/comp. mastigável Comprimido 0,56
Alendronato de Sódio 70 mg/comp. Comprimido 0,37
Alopurinol 100mg/comp. Comprimido 0,08
Amiodarona 200mg/comp. Comprimido 0,2
Amitriptilina(Cloridrato) 25mg/comp. Comprimido 0,22
Amoxicilina 500mg/cáps. Cápsula 0,19
Amoxicilina 250mg/5mL/pó p/susp. oral Frasco 60 mL 1,96
Amoxicilina 250mg/5mL/pó p/susp. oral Frasco 150 mL 4,9
Atenolol 25mg/comp. Comprimido 0
Azatioprina 50mg/comp. Comprimido 1,4
Azitromicina 500mg/comp. Comprimido 2,64
Benzilpenicilina Benzatina 1.200.000ui/pó p/sus. inj. Frasco-ampola 1,5
Benzilpenicilina Procaína+Potássica 300.000+100.000ui/pó/sus. inj. Frasco-ampola 1,5
Benzoato de Benzila 200mg/mL/emulsão Frasco 100 mL 1,4
Benzoato de Benzila 200mg/mL/emulsão Frasco 60 mL 1,1
Biperideno 2mg/comp. Comprimido 0,073
Brometo de n-butilescopolamina 10 mg/frasco frasco de 20 mL 3,9
Carbamazepina 200mg/comp. Comprimido 0,13
Carbidopa + Levodopa 25mg + 250mg/comp. Comprimido 0,48
Cefalexina(Cloridrato ou Sal Sódico) 500mg/cáps. Cápsula 0,4
Cefalexina(Cloridrato ou Sal Sódico) 250mg/5mL/susp. oral Frasco 60 mL 4,96
Cefalexina(Cloridrato ou Sal Sódico) 250mg/5mL/susp. oral Frasco 125 mL 10
Cetoconazol 200mg/comp. Comprimido 0,23
Captopril 25mg/comp. Sulcado Comprimido 0
Ciprofloxacino 500mg/comp. Comprimido 0,38
Clonazepam 2mg/comp Comprimido 0,06
Cloreto de Potássio 60mg/mL/xpe. Frasco 100 mL 1,88
Cloreto de Sódio 0,9% 9mg/mL/sol. nasal Frasco 0,95
Clorpromazina 25mg/comp. Comprimido 0,1
Clorpromazina 100mg/comp. Comprimido 0,125
Dexametazona Crem.0,1% Tubo 1
Dexclorfeniramina(Maleato) 2mg/comp. Comprimido 0,06
Dexclorfeniramina(Maleato) 0,4mg/sol. Oral Frasco 120 mL 2,07
Diazepam 5mg/comp.sulcado Comprimido 0,04
Diazepam 10mg/comp.sulcado Comprimido 0,08
Digoxina 0,25mg/comp. Comprimido 0,06
Dipirona 500mg/mL gts Frasco 10 mL 0,7
Doxiciclina 100mg/comp. Comprimido 0,38
Enalapril 10mg/comp. Comprimido 0
Enalapril 20mg/comp. Comprimido 0
Enantato de Noretisterona+Valerato de Estradiol 50mg+5mg/injetável Seringa 1 mL 1,13
Eritromicina(Estearato ou Etilsuccinato) 125mg/5mL/susp. oral Frasco 60 mL 2,3
Eritromicina(Estearato ou Etilsuccinato) 500mg/comp./cáps. Comprimido 0,54
Etinilestradiol+Levonorgestrel 0,03mg+0,15mg/comp Cartela c/ 21 cápsulas 0,42
Fenitoína 100mg/comp. compimido 0,1
Fenobarbital 100mg/comp. Comprimido 0,06
Fluconazol 100mg/rev. Cápsula 0,95
Fluconazol 150mg/rev. Cápsula 0,95
Fluoxetina 20mg/comp. Comprimido 0,06
Fosfato de Oseltamivir 75mg/comp comprimido Gratuito
Furosemida 40mg/comp. Comprimido 0
Glibenclamida 5mg/comp. Comprimido 0
Haloperidol 1mg/comp. Comprimido 0,08
Haloperidol 5mg/comp. Comprimido 0,12
Haloperidol 2mg/mL/sol. oral Frasco 20 mL 1,94
Hidroclorotiazida 25mg/comp. Comprimido 0
Ibuprofeno 300mg/comp. Comprimido 0,16
Levonorgestrel 0,75mg/comp. Comprimido 3,47
Loratadina 10mg/comp. Comprimido 0,05
Losartana 50mg/comp. Comprimido 0
Mebendazol 100mg/comp. Comprimido 0,05
Mebendazol 100mg/5mL/sup. Oral Frasco 30 mL 1,1
Metformina 500mg/comp. Comprimido 0
Metformina 850mg/comp. Comprimido 0
Metildopa 250mg/comp.rev Comprimido 0
Metildopa 500mg/comp.rev Comprimido 0
Metoclopramida (Cloridrato) 10mg/comp. Comprimido 0,04
Metoclopramida (Cloridrato) 4mg/mL/sol.oral Frasco 10 mL 0,75
Metronidazol 250mg/comp. Comprimido 0,1
Metronidazol 5% creme vaginal Tubo 50 gramas 2,15
Metronidazol (Benzoato) 200mg/5mL/susp. oral Frasco 100 mL 2,4
Miconazol (Nitrato) 2%/locão Frasco 30 mL 1,86
Miconazol (Nitrato) 2%/pó Frasco 30 mL 4,95
Monitrato de Isossorbida 20mg/comp. Comprimido 0,1
Neomicina (Sulfato) + Bacitracina (Zíncica) 5mg + 250ui/g/pom. Tubo 10 gramas 1,35
Neomicina (Sulfato) + Bacitracina (Zíncica) 5mg + 250ui/g/pom. Tubo 15 gramas 2,02
N|ifedipina 20mg/cop.lib.cont. Comprimido 0
Nistatina 25.000 UI/crem. Vaginal Tubo 60 gramas 2,28
Nistatina 25.000 UI/crem. Vaginal Tubo 50 gramas 1,9
Nistatina 100.000 UI/mL/ susp. Oral Frasco 30 mL 3,62
Noretisterona 0,35mg/comp. Cartela c/ 35 comprimidos 0,5
Omeprazol 20mg/cáps. Cápsula 0,23
Paracetamol 500mg/comp. Comprimido 0,09
Paracetamol 200mg/mL/sol. Oral gts Frasco 10 mL 0,85
Paracetamol 200mg/mL/sol. Oral gts Frasco 15 mL 1,27
Paracetamol 100mg/mL/sol. oral gts. Frasco 10 mL 0,7
Paracetamol 100mg/mL/sol. oral gts. Frasco 15 mL 1
Prednisona 20mg/comp. Comprimido 0,18
Prednisona 5mg/comp. Comprimido 0,08
Prometazina (Cloridrato) 25mg/comp. Comprimido 0,12
Propranolol (Cloridrato) 40mg/comp. Comprimido 0
Ranitidina 150mg/comp. Comprimido 0,12
Sais p/ Reidratação Oral pó p/sol. Oral Envelope 27,9 gramas 0,6
Salbutamol (Sulfato) 2mg/comp. Sulcado Comprimido 0,04  
Salbutamol (Sulfato) 2mg/5mL/xpe. Frasco 120 mL 1,15  
Salbutamol (Sulfato) 2mg/5mL/xpe. Frasco 125 mL 1,2  
Sinvastatina 20mg/comp. Comprimido 0,38  
Sulfametoxazol + Trimetoprima 400mg + 80mg/comp. Comprimido 0,08  
Sulfametoxazol + Trimetoprima 200mg + 40mg/5mL/susp. Oral Frasco 50 mL 1,45  
Sulfametoxazol + Trimetoprima 200mg + 40mg/5mL/susp. Oral Frasco 60 mL 1,74  
Sulfametoxazol + Trimetoprima 200mg + 40mg/5mL/susp. Oral Frasco 100 mL 2,9  
Sulfasalazina 500mg/comp. Comprimido 0,4  
Sulfato Ferroso 40mg Fe(II)/comp. rev. Comprimido 0,04  
Sulfato Ferroso 25mg/mL Fe(II)/sol. Oral Frasco 30 mL 0,75  
Tiabendazol 5%/pom. Tubo 20 gramas 2,89  
Valproato de Sódio 50mg/mL/xpe. Frasco 100 mL 4,05  
Verapamila (Cloridrato) 80mg/comp. Comprimido 0  
Preservativo Masculino   unidade 0,3  

Leia Mais

Lista de Remédios Gratuitos Pelo SUS

Remédios Gratuitos Pelo SUS

O governo federal através do Sistema Único de Saúde, oferece a todos os pacientes os medicamentos para o tratamento das doenças crônicas mais comuns como hipertensão, diabetes e anemia. Confira a seguir quais são os remédios grátis pelo SUS e saiba como você pode conseguir os mesmo.

remedios-gratuitos-sus

Os medicamentos gratuitos do SUS mais buscados são os que tratam problemas cardíacos, hipertensão e diabetes, analgésicos, antibióticos, contraceptivos e hipertireoidismo, seguidos por remédios para o tratamento de doenças respiratórias, como asma e bronquite.

Em cada unidade básica de saúde, há uma lista com os remédios gratuitos oferecidos pelo SUS, geralmente próxima a Farmácia. O governo atualiza a cada dois anos uma lista oficial de medicamentos do SUS, por meio da Relação Nacional de Medicamentos (Rename). A lista de remédios gratuitos pelo SUS atualmente está com mais de 800 itens.

É importante saber que destes remédios gratuitos, nem todos estão disponíveis em todos os municípios do país. Cada município possui sua própria lista, chamada Remume (Relação Municipal de Medicamentos).

Isto acontece porque o município disponibiliza a medicação conforme a demanda. Ou seja, ele só concede se houver uma procura que justifique a compra deste medicamento para a distribuição gratuita.

Para ter direito aos remédios gratuitos pelo SUS, basta levar uma receita médica, com o nome genérico do remédio, mesmo se a receita tiver sido emitida por um médico do setor privado, até  a farmácia na própria UBS, junto com o cartão do SUS e identidade.

No SUS, ainda é possível receber além dos remédios básicos, os medicamentos estratégicos, como para tratamento de tuberculose e AIDS, só é preciso ir com formulário médico em mãos e o cartão do SUS a uma Unidade Dispensadora de Medicamentos (UDM).

Para os casos mais raros ou remédios especiais, alguns remédios gratuitos são oferecidos mediante solicitação na farmácia de Alto Custo. Para isto, é preciso que o médico preencha um laudo especial, e em alguns estados, um formulário próprio.

Cada município tem uma lista diferenciada dos remédios de alto custo que pode disponibilizar de forma gratuita. O município também pode negar o fornecimento, se achar que o laudo não é valido. Os documentos necessários são:

Cartão do SUS, uma cópia do RG, o Laudo médico e o formulário (que o próprio médico tem), um comprovante de residência, a Receita Médica (geralmente a original e uma cópia). Você pode consultar no site da prefeitura de sua cidade os endereços das farmácias de alto custo.

lista-remedios-gratis-sus

Para consultar uma lista de remédios gratuitos oferecidos por estas farmácias (a nível  nacional, podendo mudar de um município para outro) pode acessar clicando a seguir: Remédios grátis SUS

Além da distribuição de remédios gratuitos pelo SUS, há outra forma de conseguir os medicamentos básicos gratuitamente, por meio de outro programa do governo o Programa Farmácia Popular do Brasil.

Este programa possui duas modalidades: uma é a Rede Própria e a outra é o Aqui Tem Farmácia Popular.

A Rede Própria possui unidades que funcionam em parceria com as prefeituras e o estado, e a lista de remédios possui mais de 110 itens disponíveis.

Você pode consultar a lista de remédios no link a seguir: Remédios Farmácia Popular

O Aqui Tem Farmácia Popular é uma parceria com farmácias e drogarias particulares que aderem ao Programa. A lista de remédios oferecidos não é a mesma nos dois casos. Neste caso, nem todos medicamentos são gratuitos, a lista dos remédios pode ser consultada no seguinte link: Aqui Tem Farmácia Popular

Dentre os remédios fornecidos de forma gratuita, estão os medicamentos para hipertensão, diabetes e asma. Os outros podem ser comprados com até 90 % de desconto.

Leia Mais

Farmácia Popular Anticoncepcionais

Preços de Anticoncepcionais na Farmácia Popular

farmacia-popular-anticoncepcionais-300x300

Boas notícias, mulheres de todo Brasil. Os anticoncepcionais estão com até 90% de desconto nas famosas farmácias da rede Farmácia Popular e às farmácias conveniadas. Numa iniciativa do Ministério da Saúde para ajudar mulheres a fazerem seu planejamento familiar sem gastar uma fortuna por isso. Os descontos também valem para os anticoncepcionais injetáveis, desde que tenham os princípios ativos que tem patente para Genérico na lista do Governo Federal.

O Governo Federal, por meio da Portaria nº 1.414, de 13 de junho de 2007, incluiu esses medicamentos contraceptivos, de uso mais freqüente, no seu Programa Farmácia Popular do Brasil em conjunto com a rede privada.

Para poder receber este benefício na aquisição dos seus remédios anticoncepcionais, a usuária deverá ter em mãos a receita médica e seu CPF, e levá-los nas farmácias credenciadas que exibem a marca do programa “Aqui tem Farmácia Popular”. Caso o comprador que compareça à unidade credenciada seja do sexo masculino (como marido, pai, irmão, etc… da paciente), ele deverá apresentar o CPF da titular da receita emitida pelo médico.

Aqui abaixo estão os nomes dos anticoncepcionais contemplados com o desconto que estão disponíveis na Farmácia Popular:
Principio Ativo Etinilestradiol 0,03mg; levonorgestrel 0,15mg

Nome Comercial: CONCEPNOR, ESTRELAN, CICLOFEMME, CICLO 21, NORDETTE, LEVOGEN, NOCICLIN, MICROVLAR.

Apresentação: Em Cartela

Periodicidade de compra: A cada 25 dias
 
 
Princípio Ativo Noretisterona 0,35mg

Nome Comercial: MICRONOR, NORESTIN, LINATIS

Apresentação: Em cartela

Periodicidade de compra: A cada 30 dias
 
Príncipio ativo Enantato de noretisterona 50mg; valerato de estradiol 5mg 
MESIGYNA INSTAJECT, ENANTATO DE NORETISTERONA +, VALERATO DE ESTRADIOL, NOREGYNA

Ampola: A cada 25 dias
 
Príncipio Ativo Acetato de medroxiprogesterona 150 mg/ml
CONTRACEP, DEPO PROVERA
Ampola: A cada 90 dias
Uma das condições para que a usuária esteja habilitada a utilizar o Programa Farmácia popular para comprar anticoncepcionais é respeitar este limite de tempo estabelecido para as aquisições. Para quem tiver hipertensão e diabetes, este tempo corresponde a 30 dias, e para os anticoncepcionais este limite varia conforme o medicamento, conforme você pode observar na lista abaixo.

Princípio Ativo Etinilestradiol 0,03mg; levonorgestrel 0,15mg
Apresentação: Cartela
Valor do estado (RS): 4,19
% do valor para o Ministério da Saúde: 90
Valor a débito do Ministério da Saúde: 3,77
 

Princípio Ativo Noretisterona 0,35mg
Apresentação: Cartela
Valor do estado (RS): 4,96
% do valor para o Ministério da Saúde 90
Valor a débito do Ministério da Saúde: 4,46

Princípio Ativo Enantato de noretisterona 50mg;valerato de estradiol 5mg 
Apresentação: Ampola
Valor do estado (RS): 11,31
% do valor para o Ministério da Saúde 90
Valor a débito do Ministério da Saúde: 10,18
 
– Acetato de medroxiprogesterona 150 mg/ml
Apresentação: Ampola
Valor do estado (RS): 12,36
% do valor para o Ministério da Saúde 90
Valor a débito do Ministério da Saúde: 11,12

Esperamos que as nossas informações te ajudem na hora de comprar seus anticoncepcionais, e que você possa usá-los com consciência e respeitando os limites e prazos estipulados pelo Ministério da Saúde e pelo seu médico.

Leia Mais

Saúde Não Tem Preço – Medicamentos

Medicamentos do Saúde Não Tem Preço

saude-nao-tem-preco-300x200

A campanha Saúde Não Tem Preço, lançada no dia 03 de fevereiro de 2011 e iniciado no dia 14 do mesmo mês, já beneficiou mais de 6 milhões de brasileiros que sofrem com diabetes e hipertensão. O programa é destinado a ampliar o acesso ao tratamento dessas doenças no SUS, oferecendo gratuitamente 11 medicamentos em drogarias credenciadas ao programa Aqui Tem Farmácia Popular. Segundo dados do Portal da Saúde, a região do país com maior número de beneficiados pela iniciativa é a região norte com 84.553 pacientes no período de janeiro a outubro desse ano, com destaque para o estado de Roraima, que teve um crescimento de 13743% no número de tratamentos depois o início do Saúde Não Tem Preço.

Os medicamentos do Saúde Não Tem Preço disponibilizados pelo governo são identificados pelo seu principio ativo, e é dever do profissional farmacêutico orientar os usuários qual corresponde ao nome comercial prescrito pelo médico. Além do tratamento para diabetes, que atinge 6,3% da população adulta brasileira, e hipertensão arterial, doença que acomete 23,3% da população adulta brasileira (maiores de 18 anos), de acordo com o estudo Vigilância de Risco e Proteção para Doenças Crônicas por Inquérito Telefônico (Vigitel), o programa Farmácia Popular oferece, em rede própria e em parceria com sete entidades da indústria, farmácias e drogarias da rede privada, descontos em anticoncepcionais, preservativos e outros mais de 90 remédios destinados para tratamento de doenças comuns no Brasil, como asma, incontinência urinária, osteoporose, rinite, colesterol, doença de Parkinson, glaucoma, etc.

Para obter os produtos disponíveis no Saúde Não Tem Preço, o usuário deve apresentar CPF, documento com foto e receita médica, que é exigida como uma forma de se evitar a automedicação e incentivar o uso racional dos fármacos. Os endereços dos estabelecimentos participantes e credenciados ao programa e mais informações sobre a campanha estão disponíveis no Portal da Saúde (SUS).

Medicamentos Programa Saúde Não tem Preço

É necessário que o interessado tenha conhecimento sobre quais são os remédios que serão distribuídos gratuitamente através desse programa, para isso é necessário consultar a lista disponível pelo programa.

Abaixo está a lista de medicamentos gratuitos do programa saúde não tem preço:

Remédios para hipertensão:

  • Captopril 25 mg, comprimido
  • Maleato de enalapril 10 mg, comprimido
  • Cloridrato de propranolol 40 mg, comprimido
  • Atenolol 25 mg, comprimido
  • Hidroclorotiazida 25 mg, comprimido
  • Losartana Potássica 50 mg

Remédios para Diabetes:

  • Glibenclamida 5 mg, comprimido
  • Cloridrato de metformina 500 mg, comprimido
  • Cloridrato de metformina 850 mg, comprimido
  • Cloridrato de metformina 500 mg, comprimido de ação prolongada
  • Insulina Humana NPH 100 UI/ml – suspensão injetável, frasco-ampola 10 ml
  • Insulina Humana NPH 100 UI/ml – suspensão injetável, frasco-ampola 5 ml
  • Insulina Humana NPH 100 UI/ml – suspensão injetável, refil 3ml (carpule)
  • Insulina Humana NPH 100 UI/ml – suspensão injetável, refil 1,5ml (carpule)
  • Insulina Humana Regular 100 UI/ml, solução injetável, frasco-ampola 10 ml
  • Insulina Humana Regular 100 UI/ml, solução injetável, frasco-ampola 5 ml
  • Insulina Humana Regular 100UI/ml, solução injetável, refil 3ml (carpules)
  • Insulina Humana Regular 100UI/ml, solução injetável, refil 1,5ml (carpules)

Leia Mais

Farmácia Popular Diabetes e Hipertensão – Remédios

Remédios para Diabetes e Hipertensão Farmácia Popular

Conhece o Farmácia Popular? Se você tem doenças crônicas como diabetes e hipertensão saiba que é possível adquirir seus medicamentos através deste que é um programa social do Ministério da Saúde brasileiro que amplia o acesso a alguns medicamentos seja retirando de graça ou com baixo custo (nas farmácias privadas).

O programa Farmácia popular possui uma rede de farmácias próprias que o paciente levando a receita médica pode solicitar medicamentos diabetes e hipertensão, assim como outros medicamentos entre os disponíveis nesta farmácia. Ou nos estabelecimentos particulares que tem a inscrição “Aqui tem farmácia popular” poderá neste último adquirir medicamentos com baixo preço.

farmacia-popular-diabetes-hipertensao-remedios

Em ambos os casos, tanto a Farmácia popular como o estabelecimento particular é necessário portar o CPF próprio, receita médica atual (com validade de até 120 dias) e um documento de identificação com foto. Quanto à receita é aceita somente aquela emitida por médico tanto do SUS como da rede privada de saúde. No caso do paciente ser menor de idade e não possuir CPF próprio este pode adquirir medicamento através do CPF do pai ou da mãe até providenciar o seu próprio (vale também do responsável legal pelo menor).

Remédio para Acabar com o Diabetes

Quanto aos medicamentos de hipertensão e diabetes, por exemplo, existe na rede de farmácia popular uma relação dos medicamentos disponíveis que são (alguns exemplos): aciclovir, albendazol, amiodarona, amoxicilina, atenolol, azitromicina, benzilpenicilina, captopril, cloreto de potássio, dexametazona, loratadina, metildopa, fluconazol, haloperidol, nistadina, paracetamol, sais para reidratação oral, entre outros medicamentos que vão além dos itens de hipertensão e diabetes.

Nas farmácias particulares estes e outros medicamentos que constam de uma relação na Farmácia popular assim como nos estabelecimentos. Por isso, consultem ambos ou um deles se preferir.

comprar-programa-controlando-a-hipertensao

O programa Farmácia popular faz parte de uma Política Nacional de Assistência Farmacêutica e que foi implantado por meio da Lei n°10.858 de 13 de abril de 2004 e que autoriza a Fundação Oswaldo Cruz a fornecer medicamentos mediante ressarcimento e no caso das instituições particulares, fornecer medicamento com baixo custo e pelo valor de 90% mais barato (90% de desconto).

Quanto as Farmácias Populares estas contam com mais de 110 medicamentos, de fornecer preservativo masculino. Além destes medicamentos em geral, recentemente foram inclusos 3 medicamentos para asma, incluindo neste caso principalmente as crianças e desta forma, diminui o número de internações em razão da asma, doença respiratória crônica que é a principal causa de internação de crianças. Mais informações acesse o Portal da Saúde em http://portalsaude.saude.gov.br.

Leia Mais